quinta-feira, 23 de maio de 2013

Dormir pouco diminui esperma e encolhe testículos



A internet está cheia de  pesquisas sobre tudo que você possa imaginar. Para isso não faltam cientistas empenhados em descobrir os porquês disso e daquilo, de coisas que a principio podem até parecer esquisito e sem sentido. Por exemplo:
Se você é homem, costuma dormir tarde e acordar cedo ou acredita que mesmo dormindo poucas horas não  está se prejudicando, está enganado. Depois de ler este post talvez você queira mesmo é ficar um bom tempo na cama, pois uma nova pesquisa publicada na Cosmopolitan, diz que a falta de sono pode influenciar  na quantidade de espermas de um homem.
O estudo dinamarquês explica que homens que dormem pouco produzem, em média, 30% menos espermatozoides que os demais. E não é só isso,  além de retardar o mecanismo, a falta de sono também é responsável pelo encolhimento dos testículos.
Apesar dos espertos cientistas ainda não terem certeza de como o sono afeta os órgãos reprodutores masculinos, mas acreditam que algumas noites de insonia ou mal dormidas prejudicam sim os  níveis de testosterona. Vale lembrar ainda, que a contagem de espermas não necessariamente diminui a fertilidade masculina. Ainda bem, pelo menos uma amortizada na chocante notícia.
 Mas não é só isso, tem outros pequenos detalhes que, com certeza, parecem mais absurdos ainda, uma vez que outros estudos mostraram que assistir televisão em excesso, ter má higiene e frequentar saunas também provocam as mesmas consequências. É mole, rapazes?
Bom, para prevenir tanta preocupação, o remédio é ir para a cama mais cedo e dormir saudavelmente em média,, oito horas por noite. Sem falta heim!!!